Moscas Volantes

Moscas volantes são pequenos pontos escuros, manchas, filamentos, círculos ou teias de aranha, móveis, que se encontram presente no campo de visão. Elas são percebidas durante a leitura ou ao fixar a visão em um local específico.

Em geral, não representam um problema ocular grave.

São causadas pelo processo natural de envelhecimento do vítreo. O vítreo, por sua vez, é um fluído gelatinoso que preenche grande parte do olho e que ao contrair-se, pode separar-se da retina em alguns pontos.

As moscas volantes são então minúsculas partículas de vítreo condensado, ou então fendas no vítreo, que bloqueiam a luz quando passam pela linha da visão, lançando sombras na retina, onde se forma a imagem.

São mais comuns em pessoas acima de quarenta anos, que tem miopia ou que se submeteram à cirurgia de catarata.

Embora não representem uma doença grave, é preciso estar atento ao surgimento de novas moscas volantes, pois isso pode significar uma ruptura da retina sob tração do vítreo, levando ao rompimento de um vaso sanguíneo e posterior sangramento. Neste caso, o problema pode vir a se tornar grave.

Se não relacionadas a danos maiores na retina, as moscas volantes não necessitam de tratamento. Embora possam ser irritantes, tendem a diminuir com o passar do tempo, podendo até desaparecer.

Mas para não correr riscos, é importante consultar o oftalmologista regularmente.

Clarões

São causados também pelo vítreo, que ao tracionar ou repuxar a retina, desencadeia um estímulo. São percebidos, com maior frequência à noite ou em ambientes escuros.

Geralmente estão associados ao envelhecimento e podem ser vistos durante anos pelas pessoas sem ser motivo para maiores preocupações.

Mas quando associados às moscas volantes ou escurecimento de parte do campo de visão, podem ser sintomas de descolamento de retina, um problema grave que pode levar a cegueira.

Os clarões, às vezes, ocorrem associados a enxaquecas. Nestes casos, distorcem a visão central por 10 a 20 minutos, seguidos de dores em um ou em ambos os lados da cabeça.

As consultas regulares com o oftalmologista são a melhor maneira para se evitar problemas sérios ou aprender a conviver com pequenas distorções e imperfeições visuais. Por isso, caso você tenha qualquer alteração visual, ou constate o surgimento de moscas volantes ou clarões procure imediatamente o oftalmologista de sua confiança. Só ele poderá lhe esclarecer o que realmente ocorre com seus olhos e se você tem motivos para se preocupar ou não.

Cuide bem da sua Visão. Para consultas:


14 3263.2833


14 99802.7554

Ícone Clínica de Olhos Dr. Daniel Parente  2018 © Clínica de Olhos Dr. Daniel Parente

Desenvolvido por Paulo Coneglian